gdeNa semana passada a LABRE participou de dois importantes congressos da área das comunicações em São Paulo.

O primeiro foi o tradicional Congresso da Sociedade de Engenharia de Televisão e Rádio (SET). O representante da LABRE/GDE, Flávio Archangelo, PY2ZX, participou da mesa de discussão sobre Radiação Não Ionizante e a Resolução Anatel n. 303. A LABRE contribuiu com informações sobre referências das normas técnicas da UIT (União Internacional de Telecomunicações), contextualizadas com a última consulta pública da Anatel sobre o tema. Participaram do debate pesquisadores do CPqD, Unicamp, Unisal, membros da SET e Anatel.

O segundo foi o Congresso Latino Americano de Internet das Coisas (IoT). A estimativa de bilhões de dispositivos utilizarem sensores e comunicações sem fios em ambiente ubíquo desperta atenção para gestão do espectro e contenção de interferências. Várias entidades governamentais, indústria, “makers” e pesquisadores também estiveram presentes.

Sobre a LABRE
A Liga dos Amadores Brasileiros de Rádio Emissão (LABRE) é a mais antiga entidade de representação de um setor de radiocomunicação civil no Brasil. Ela representa os radioamadores do país junto às entidades nacionais e internacionais, em conjunto com a União Internacional de Radioamadorismo (IARU).

A LABRE é membro de vários comitês de estudos na OAB/SP, COBEI/ABNT, Inmetro, Anatel e, no exterior, na CITEL/OEA e UIT/ONU, integrada a delegações nacionais.

Seja você também um labreano: participe das atividades associativas e fortaleça a defesa e desenvolvimento do radioamadorismo brasileiro. A LABRE está constituída em formato confederativo e o interessado poderá se associar a quaisquer de suas estaduais ativas. Conheça e apoie o trabalho do Grupo de Gestão e Defesa Espectral da LABRE. Informações em http://www.labre.org.br ou http://www.radioamadores.org
 
LABRE/GDE
05 de setembro de 2016.

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Radioamador.