ituA LABRE, através do seu grupo de Gestão e Defesa Espectral, sugeriu mudanças na Recomendação ITU-R M.1732-1, “Características dos sistemas operacionais dos serviços de amador e amador por satélite para estudos de compartilhamento”.

Esta recomendação e dezenas de documentos oficiais estão em revisão no Grupo de Estudos 5 (Serviços Terrestres) da UIT, a União Internacional de Telecomunicações, neste mês em Genebra, Suíça.

A proposta labreana foi apresentada e aprovada nas Comissões Brasileiras de Comunicações na Anatel em Brasília. Ela visou incluir características técnicas dos modos especializados em sinais débeis (Weak Signal Modes), muito utilizados para comunicados em baixa potência, estudos de rádio propagação, reflexões meteórica e lunar, além de simplificar as notas de
rodapé existentes na recomendação.

Posteriormente a LABRE, em conjunto com a AMSAT-BR, também sugeriu para a IARU, a União Internacional de Radioamadorismo, atualização nas potências dos satélites de radioamador citadas no mesmo documento para contemplar as reais condições operacionais com cubesats. Também foram propostas novas notas de rodapé.

A IARU considerou parte das proposições, as adaptou e incluiu numa contribuição bastante abrangente da união, que também participará das reuniões do grupo de estudos.

O Brasil terá delegação extremamente reduzida devido restrições orçamentárias. Neste sentido a absorção das propostas pela IARU foi providencial para a exposição das sugestões durante o evento.

A IARU também proporá minuta para o “Texto CPM sobre o item de agenda 1.1 da WRC-19″. Este item avaliará a possibilidade da faixa dos 6 metros ser oficialmente considerada para todos radioamadores da Região 1, em harmonização com as demais regiões.

Os EUA entrará com nova recomendação sobre “uso estruturado de dados, correção de erros e técnicas de codificação/decodificação para incrementar a confiabilidade das comunicações nos serviços amadores”.

Austrália, Canadá e a Rússia também enviaram contribuições em separado para documentos relacionados com radioamadorismo.

Foto: Sede da UIT em Genebra

Apoie a LABRE/GDE. Informações em http://www.radioamadores.org
http://www.labre.org.brhttp://www.labre-sp.org.br

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Radioamador.