zx0f teamUma grande operação Multi-transmissores/multi-operadores na Competição CQWW 1999 SSB sob o indicativo especial de ZX0F da ilha Brasileira de Fernando de Noronha acaba de ser completada.

Liderados por Atilano de Oms, PY5EG, e sob o patrocínio do Grupo Araucária de Dx, do Paraná, Brasil, e também com o magno apoio do time de radioamadores Búlgaros, um grupo Internacional de 12 radioamadores especialistas em Contestes do Brasil, Estados Unidos, Bulgária e da Inglaterra chegaram a ilha na Segunda quinzena do mês de Outubro com o objetivo de participarem do conteste que começaria dia 29 e terminaria em 31 de Outubro de 1999.

Os membros deste time incluiam:

Brasil:

PY5EG – Oms – Líder do Grupo
PY5CC – Peter
PY5GU – Gus (Augusto – Gugu)
PY2KC – Rod (Rodrigo)

Bulgaria:

LZ1JK – Vasko
LZ1JY – Nick

Estados Unidos:

K1CC – Rich
K1LZ – Krassy
K1ZM – Jeff
K2DM – George
N5FA – Jim

Inglaterra:

PY5ZBU – Don

Time de Suporte:

David – Telecomunicações e Rede
Nicolau – Guardião e mantenedor do parque de antenas
André (PY0FF) – Nosso anfitrião e provedor de facilidades

Algumas poucas palavras são necessárias sobre nosso anfitrião para esta operação, André Sampaio, PY0FF. A hospedagem oferecida por André quartos com ótimas camas além de um maravilhoso café da manhã, num local chamado e conhecido por todos como “Pousada da Morena” em Fernando de Noronha, deixou o grupo em condições totais de confortabilidade para que se tivesse repouso e alimentação durante toda a operação. Quando não operou, ou esteve trabalhando especificamente junto ao time, nunca deixou o local desguarnecido de sua amizade e total suporte a todos.

A idéia desta operação foi originada e concebida na Convenção Internacional “Hamvention” em Dayton – Estados Unidos, em maio de 1999 quando Krassy (K1LZ) e Oms (PY5EG) se encontraram, combinaram e concordaram em fazer um esforço sério e fora do comum para a realização do CQWW SSB usando 6 lineares totalmente automáticos ACOM 2000 para esta operação. Krassy queria a chance para testar a performance de sua nova linha de Amplificadores e Oms quis ver como e quão competitiva seria uma operação multi multi internacional desde a ilha de Fernando de Noronha.

Em sua experiência passada, o Grupo Araucária de Dx já acumulou inúmeros recordes tanto nas competições (contest) do WPX quanto no CQWW em diversas categorias distintas, como “Single Band”, “Single-Op. Allband” e “Multi-Single” das estações existentes do grupo. Uma delas normalmente operada com o indicativo especial de “ZW5B” do QTH de PY5EG; a outra e mais nova estação do grupo é operada com o indicativo especial “ZX5J” da Serra da Boa Vista, próxima a Florianópolis/S.C. Na ilha de Fernando de Noronha, o Grupo Araucária de Dx, também instalou uma competitiva estação para competições, normalmente utilizando o indicativo especial de “ZX0F”. Na ilha, o terreno e o espaço é um tanto quanto pequeno e não há espaço suficiente para uma operação forte para Multi-Multi. Trata-se muito mais uma estação para as categorias Multi-Single, Single-Op all band. ou Single-Band.single Op.

Mesmo considerando estas limitações, o grupo decidiu operar o CQWW 1999 SSB, na categoria Multi-Multi com o objetivo principal de aprender algumas das mais importantes técnicas de operação nesta categoria e ainda ampliar e engrandecer o conhecimento para um grande projeto futuro. A idéia é de se construir uma estação específica dedicada para operações Multi-Multi.

De maio a outubro, preparações intensivas foram levadas a efeito, onde o grupo utilizou os recursos da Internet, como o E-Mail e o próprio radio para acertar, preparar, combinar e finalizar os preparativos. O plano logístico se constituiu de uma enorme tarefa incluindo inúmeros carregamentos e remessas de material para a Ilha. Isto incluiu os amplificadores ACOM, milhares de metros de cabo coaxial, fios e cabos para as antenas, e as garrafas de gás Hélio para suportar e sustentar as várias antenas de baixa freqüência. Os “experts” de software também trabalharam arduamente para adaptar o programa “CT” ao programa “DXTELNET” e rodá-los de uma forma segura na rede de comunicações a serem utilizadas na competição.

O projeto previa a utilização de antenas Yagi monobanda em “stack” (empilhadas) para as bandas de 10m., 15m., e 20m., duas antenas Yagi monobanda para a banda 40m. e antenas de fio e verticais para as bandas baixas de 80m. e 160m. Antenas “Beverage” faseadas foram construídas para melhorar e otimizar a recepção em 80m. e 160m.

Um dos maiores desafios era resolver e solucionar o problema de interferências entre as estações devido ao confinamento das antenas num pequeno pedaço de terreno. Nick, LZ1JY, e Krassy, K1LZ, realizaram o trabalho com extrema eficiência. Foi surpreendente como eles reduziram o nível de interferência num espaço mínimo e tão pequeno.

Adicionalmente, o grupo otimizaria a busca de multiplicadores acessando inúmeros “Dx Packet Clusters” tanto dos Estados Unidos como da Europa, utilizando o portão (“gateway”) do K1XX em NH – E.U.A. acoplado ao tão bem conhecido programa “DXTELNET”.

Chegada na Ilha:

O Jim, N5FA e o Peter, PY5CC foram os primeiros a chegarem na ilha no dia 20 de outubro de antes do Nicolau, amigo íntimo do PY5EG, o qual tem a maior experiência no time em manutenção de torres e antenas. Apesar de não ser radioamador, Nicolau sabe muito bem o que fazer no terreno de torres sendo muito bem treinado em manobrar e manusear antenas Yagi monobandas com “booms” de mais de 15 metros de comprimento. Ele e o Peter fizeram o trabalho parecer fácil – embora soubessemos que não era nada fácil.

Enquanto Peter e Nicolau trabalhavam otimizando as Yagis, Jim, N5FA, se estabelecia em esticar os fios e cabos montanha abaixo até a praia através do imenso matagal para a instalação de várias antenas beverages para recepção das bandas baixas.

No dia 26 de outubro, membros da nossa equipe dos Estados Unidos e da Bulgaria chegaram K1ZM, K1CC, K2DM, e K1LZ.. Afortunadamente, nosso “expert” em redes e telecomunicações, David, que infelizmente ainda não é radioamador, porém mais precisamente trabalha nesta área na Inepar, também chegou neste dia para ajudar com o programa CT e as preparações a serem feitas na rede. Aprendemos de cara e logo cedo que o David se tratava de um “mágico em informática” e que sem ele nós não teríamos condições fazer a rede trabalhar por muito tempo. Parecia que ele estava em todos os lugares antes e durante a competição, nos assegurando que todos os computadores estavam funcionando e interligados entre si o tempo todo. Devido a uma agenda deveras congestionada em seus negócios, PY5EG Oms, PY5ZBU Don e PY5GU Gus, chegaram na ilha ao anoitecer deste dia, Quarta-feira.

O grupo agora estava dividido em várias equipes:

Equipe de Instalação das Estações
Equipe das beverages para bandas baixas
Equipe de rede de computadores
Equipe das antenas de freqüências mais altas
Equipe de reforço de energia A/C
Equipe de minimização de interferência entre as estações.

As atividades continuaram pelas 24 horas do dia pelos 3 dias seguintes até finalmente a turma estar pronta para começar o conteste. Apenas alguns pequenos intervalos foram feitos para uma pequena dormida e algumas rápidas refeições no requintado e agradável restaurante do André – o melhor e mais saboroso da ilha.

0001Z – 30 de outubro – A corrida COMEÇOU!

Com poucas exceções, uma parte do grupo responsável pela operação e a maioria dos operadores foram operar TODAS as diversas bandas em um momento ou outro. Oms especialista na banda de 40m. SSB operou pela primeira noite naquela difícil e tumultuada banda fazendo aproximadamente 1000 QSOs, porém outros operadores do time também operaram em 7 MHz no segundo dia. Todos tiveram a chance de experimentar as alternativas em operar a altas velocidade de QSOs utilizando um indicativo raro de um país raro – incluindo nossos jovens operadores em desenvolvimento no time. Isto siginifica muito numa competição – a difícil tarefa de trazer sangue novo para dentro do nosso “hobby” e então ensiná-los como operar com sucesso na competição mais importante para radioamadores. Sentimos que fizemos um ótimo trabalho nesta parte (neste quesito) da operação.

Com o conteste em andamento, os picos dos contatos eram de velocidade acima de 250 por hora em cada uma das bandas altas e o integrado em todas as bandas chegou a apontar no velocímetro do “CT” picos próximos a 1000 várias vezes durante as melhores aberturas para a Europa e Estados Unidos ..Isto ocorreu principalmente, no sábado pela manhã.

Ao final das primeiras 24 horas fizemos 11.000 QSOs e sentimos que poderíamos alcançar o alvo e o objetivo de 20.000 QSOs que estabelecemos no início da competição. Mas, estávamos totalmente errados. Durante toda a tarde do segundo dia e partes da noite tivemos a propagação fechada (como uma núvem) sobre nós no qual vimos as taxas de velocidade caírem a uma marca muito baixa. No segundo dia fizemos apenas 56% dos QSOs comparados ao mesmo período do dia anterior!!!

Quando tudo havia terminado, o Grupo estava satisfeito de uma forma geral com um escore sólido e íntegro de 50 milhões de pontos – o maior escore jamais realizado da longínqua América do Sul. Enquanto isto alguns se sentiam desapontados em não “Vencer”; cada membro do time reconheceu que as distâncias geográficas envolvendo PY0F e Estados Unidos e Europa beneficiaria times como IG9A, CN8WW e PJ4B. Considerando nossa distância da Europa especialmente, ficamos muito satisfeitos pelo resultado alcançado.

Nosso CLAIMED SCORE analiticamente é o que segue:

BANDA QSOs QSO PTS PTS/QSO ZONAS PAÍSES
           
160 260 754 2.90 17 56
80 806 2.338 2.90 28 97
40 1.638 4.790 2.92 35 128
20 4.027 11.881 2.95 40 169
15 4.772 13.872 2.93 40 179
10 5.462 15.720 2.88 40 187
           
Totais 16.935 49.355 2.91 200 816
=> 50.144.680

Conclusões/Consequências:

Na Segunda-feira, o bando começou a se dispersar bem cedo e a foto do Grupo foi tirada junto com os amplificadores ACOM em frente, e, com o Pico de fundo. O pico é uma rocha sólida e extravagante de 300 metros de altura, na direção oeste de nossa estação rumando aos Estados Unidos, costa oeste.

K1ZM, K2DM, K1LZ, K1CC, LZ1JK e LZ1JY permaneceram na ilha o tempo suficiente para fazerem um passeio na Terça-feira após todas as antenas das bandas baixas haverem sido desmontadas. O Grupo desfrutou de um mergulho com golfinhos e fez um passeio de barco no lado Norte da ilha durante a parte da tarde.

Como todas as coisas boas, esta operação teve seu final, e os últimos membros do time disseram adeus ao André na noite de quarta-feira , dia 03 de novembro. Isto deu ao André, PY0FF, um pouco da “necessária” paz em sua fascinante ilha e a chance de colocar suas acomodações (camas) de volta com alguma semelhança a ordem normal que precedeu essas duas semanas !

Para Onde Iremos Daqui?

Bem, difícil dizer com exatidão. Mas, o time sentiu a fraternidade entre o grupo e estamos considerando outro operação num futuro próximo – possivelmente para CQWPX SSB em março de 2000. Devemos organizar uma operação Multi-Single ou Multi-Multi; desde ZX5J de Santa Catarina ou no QTH de Oms ZW5B de Curitiba, ou ainda uma outra operação de ZX0F.
Agradecemos a todos aqueles que nos trabalharam durante o contest ou durante a instalação da estação. Foi nosso prazer operar de ZX0F e esperamos vê-los na próxima operação. Os cartões QSLs da operação ZX0F devem ser enviados via PY5EG.

Nossos melhores agradecimentos também para, ACOM, DXTELNET, CT(K1EA Software), WX0B (ARRAY SOLUTIONS), e especialmente para K1XX pelo seu extraordinário suporte em seu link no packet cluster.

O que lembraremos sempre – nossos melhores resultados do conteste:

1) A família formada no conteste (Bulgaria+Estados Unidos+Brasil+Ingraterra) fantastico!.

2) Soluções efetivas na eliminação de interferência entre estações (Obrigado LZ1JY+K1ZM+K1LZ)

3) Rede de Computadores (Obrigado ao David + Krassy + K1TTT + K1XX)

4) Recepção das beverages em bandas baixas (Obrigado ao N5FA + K1ZM)

5) Passagem (repasse) dos multiplicadores (Obrigado ao N5FA )

6) Como construir/assentar antenas em uma pequena área eficientemente (Obrigado ao PY5CC e ao Nicolau)

7) Como manter os equipamentos em operação e funcionando (Obrigado ao LZ1JK+PY5ZBU)

8) Como ter totalmente automatizadas a troca de bandas nas estações com 2 Kw (Obrigado a ACOM)

9) Hospitalidade (Obrigado ao André & Morena)

Obrigado também a DEUS por esta dádiva!!!!

73 e espero vê-los no próximo,

Oms – PY5EG

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Radioamador.